O RIO PARANAPANEMA E O CLUBE DIACUÍ



Diacuí - anos 1950 - numa tarde de domingo  
Fotos por Francisco de Almeida Lopes

Ourinhos é uma cidade privilegiada, pois tem a banhá-la dois rios, um deles entre os mais importes do Estado de São Paulo o Paranapanema, o outro é o Pardo.
Segundo informações da Enciclopédia Wikipedia, o Rio  Paranapanema tem 929 km de extensão, nascendo na Serra Agudos Grandes e desembocando no Rio Paraná.
Na região de Ourinhos é um dos limites entre os Estados de São  Paulo e Paraná. 
Em toda a sua extensão possui oito barragens.
Desde 1953, às margens do Paranapanema,  existe em Ourinhos o Clube Balneário Diacuí, responsável  por felizes tardes de domingo da minha infância. A foto, dos anos 1950,  que ilustra hoje esta coluna nos mostra um aspecto do "Panema" banhando o Clube Diacuí, no momento em que uma jovem ourinhense dá um belo mergulho.
Quem seria?
Cabe aqui o soneto do profº Luciano Correia da Silva:

"SONETO DAS ÁGUAS

Lá vai meu rio, que jamais se cansa
de andar como eu andei, rio menino, 
Lépido e ufano, cheio de esperança,
lá vai meu rio, ingênuo e cristalino...

Depois, faz-se maior e o jeito alcança,
aos poucos, de incansável peregrino.
Tangendo amores, a inspirar bonança,
prossegue serpeando o seu destino...

Desce a cismar, buscando os horizontes,
ouvindo queixas de enciumadas pontes
e a voz de um barco, lá na curva extrema...

Águas serenas, puras, verdes águas,
contando histórias, afogando mágoas,
lá vai meu rio Paranapanema..."

Publicado em " Poemas do Vale" - Luciano Correia da Silva 
Prefeitura Municipal de Ourinhos 1993 p. 113

Comentários

Professor Dirceu disse…
Caro José Carlos: Essa 'paisagem" o(DIACUI)é muito familiar prá mim.Tenho fotos de uma excursão em 1964, onde eu e minhas colegas do Curso Normal lá estivemos num agradável convescote de bicicletas... Vou enviá-las prá você. Mais uma vez parabéns pelo texto.