LOURDES DEVIENNE FERRAZ




Lourdes já adentrou os 80. Ela nasceu em Ourinhos no dia 17 de julho de 1929. Foi a primeira filha do casal Carlos Eduardo Devienne e Benedita de Almeida Lopes Devienne. O pai viera para Ourinhos na segunda metade dos anos 1920, já experiente como ferroviário. Após uma curta passagem pela Estrada de Ferro Sorocabana, tornou-se o Chefe de Movimento da recém constituída Companhia Ferroviária São Paulo-Paraná, na qual permaneceu nessa função até 1944, ocasião em que a ferrovia foi encampada pelo Governo Federal.
Fez o curso normal em Santa Cruz do Rio Pardo, onde ficava interna num colégio de freiras. As freiras acompanhavam diariamente as alunas que estavam sob sua guarda até a Escola Normal, indo buscá-las ao término das aulas.
Formada, Lourdes ingressou no magistério da rede estadual pública, onde permaneceu até sua  aposentadoria. 
Em Ourinhos conheceu o jovem artista plástico,  Mário Pinho Ferraz, cujo padrasto viera para Ourinhos para gerenciar a Cargil.
Casaram-se  no início dos anos 1950, na Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus (Igreja velha). 
Em 1956, o casal mudou-se para São Paulo. 
Tiveram os filhos Mário (Desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo),  Ricardo (bacharel em direito) e Carlos Eduardo (arquiteto). Mário já faleceu.
Esta foto do casamento de Lourdes, feita por seu tio Francisco de Almeida Lopes, é a única que conheço do interior da Igreja Matriz.
Na foto ampliada, percebem-se alguns detalhes do seu interior, como a porta de entrada onde, sobre duas  colunatas,  havia imagens de santos.
A noiva é levada ao altar por seu pai. Logo atrás no cortejo são vistos o tio da noiva Alfredo Devienne e a madrasta Avelina de Almeida Devienne.
Abrindo o cortejo, as  crianças (primos da noiva): Maria Anselma Devienne Monteiro e José Carlos Neves Lopes. 





Comentários

É Zé Carlos o tempo passa...minha mãe fará em setembro 82 anos, obrigado por esta citação no seu blog, com certeza ela vai ficar muito feliz.

Um forte abraço!

Edu