8.11.14

HOMENAGEM AO TIRO DE GUERRA - TURMAS DE 1939 - 1942 - 1948


Desde a instituição do Tiro de Guerra, após a campanha desencadeada na segunda década do século passado por Olavo Bilac, os reservista fazem o juramento à Bandeira Nacional. 
A linha de tiro em Ourinhos passou a existir a partir de 1938. No ano seguinte, a primeira turma, por sinal muito grande, fez o o compromisso à bandeira.
Era costume a escolha de uma madrinha e, às vezes, de damas de honra. Foi assim com a primeira turma que aparece nesta bela foto, com certeza de autoria do fotógrafo profissional alemão Frederico Hahn.
Foram elas: 
Madrinha, a professora Helena Orsi Portugal de Souza (esposa do drº Ovídio)
Damas: Cibela Sá e Lilica Cunha
Instrutor: 2º sargento Josias da Silva
Entre os participantes dessa turma estão Jairo Teixeira Diniz, que foi o primeiro colocado,   Oriente Mori, Alvaro Cretuchi, David Gomes de Souza (parente do Brigadeiro Eduardo Gomes), Alcides Macedo Carvalho, Humberto Rosa, Paulo Matachana, Helio Cerqueira Leite, Assad e Aniz Abujamra, Dirceu Correia Custodio, Mizael Olympio de Almeida, Julio Zaki Abucham, Aparecido Nascimento e José Cardoso.
Essa turma foi criada no dia 3 de outubro de 1938.
Na foto acima, feita em frente à Igreja Matriz, é visto também o pároco à época,  cônego Miguel dos Reis Mello




Nesta foto está uma  parte do Tiro de Guerra - turma de 1942, com a madrinha, Irene Faccini Bassi. Abaixo a notícia em "A Voz do Povo".






Essa foto é do Tiro de Guerra - turma de 1948, em frente ao Grupo Escolar Jacinto Ferreira de Sá.
Entre as autoridades estão o capitão à época, com os filhos gêmeos, o juiz de direito Antônio da Rocha Paes, o prefeito Cândido Barbosa Filho, Celestino Bório, drº Salem Abujamra e Antônio Luiz Ferreira.
Essa foi a turma de meu tio Antônio Neves que acha-se atrás da bandeira, portada pelo Cabo Arlindo Gomes






Nenhum comentário: