12.9.12

A PROFESSORA HERMÍNIA VICENTINI SOARES

A professora Hermínia Vicentini, recém-formada professora primária, deixou Botucatu e veio para Ourinhos no início dos anos 1940 para lecionar no Grupo Escolar Jacinto Ferreira de Sá.
Competente, em pouco tempo logrou o reconhecimento pelo trabalho que desenvolvia naquele estabelecimento de ensino, a ponto de tornar-se vice-diretora. Sua ação nesse cargo
repercutiu na imprensa local:

"A Voz do Povo", junho de 1944



Eu tive a felicidade de conhecê-la porque ela frequentava nossa casa, freguesa que era do serviço de costura de minha mãe da qual tornou-se amiga.
Dona Hermínia tinha uma afeição especial por mim e a visitei algum tempo antes de sua morte, ocasião em que lhe dei uma cópia da nota acima.
Ela foi a segunda esposa de Horácio Soares, fazendeiro  que foi prefeito de Ourinhos. Teve com ele dois filhos, Anselmo e Elisabete, com os quais convivi na infância.
Quando fui escolhido para ser o orador da minha turma do curso primário em 1958, ela orientou-me na elaboração do discurso juntamente com o drº Ospar, que era o dentista do Grupão.
A foto abaixo nos mostra dona Hermínia em conversa com o Secretário da Educação Luciano de Carvalho Vasconcelos, quando da inauguração do novo prédio do Instituto de Educação Horácio Soares, em 22 de abril de 1961. 





Nenhum comentário: