18.6.16

LEMBRANÇAS DO BANCO COMMERCIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO

Foto de autoria desconhecida
Essa instituição bancária foi  fundada por José Maria Whitaker (1878-1970), advogado e banqueiro. Exerceu a presidência do Banco do Brasil no governo de Epitácio Pessoa e foi Ministro da Fazenda do Governo Provisório (1930). Retornou ao ministério da Fazenda por um período de sete meses, durante a gestão do presidente Café Filho (1955)
Foi um dos mais fortes bancos privados paulistas, no período de 1920 a 1950. A sua fusão com outras instituições financeiras resultou no Banco União Comercial, o qual veio a ser incorporado pelo Banco Itaú S/A, em 1974.
Sua sede em Ourinhos, onde hoje se encontra a empresa Casas Pernambucanas, era a mais bela construção da cidade, tendo como anexo a residência do gerente, como pode ser visto na foto. 
Tudo indica que a concepção do prédio tenha sido obra do famoso escritório  dos irmãos arquitetos  Stockler das Neves – Samuel e Christiano.
Meu avô, José das Neves Júnior, foi correntista desse banco. Tenho comigo a sua caderneta bancária onde era lançada toda e qualquer operação. Cada depósito era seguido da assinatura do contador da instituição.



A foto abaixo, que presumo seja de finais dos anos 1950, nos mostra um dos gerentes da instituição e alguns funcionários. Foram identificados da esquerda para a direita: 
3 - Godinho, que foi meu colega na ETCO, 4 - Antonio Canizela, 7 -  Tertuliano Vieira da Silva, que chegou a gerente da instituição,  (Nenê - irmão do professor Norival), 8 - Irineu Ferrazoli, que partiu muito cedo deixando muitas saudades, 9 - Francisco Romero (Chiquinho Romero), bancário e poeta, figura muito estimada na cidade.









2 comentários:

Anônimo disse...

ESSA ESQUINA É EM FRENTE EM DIAGONAL ÀS EX-CASAS PERNAMBUCANAS, HOJE UMA FARMÁCIA OU CASA DE VENDA DE PERFUMARIAS.

Anônimo disse...

TAL PRÉDIO FICAVA EM DIAGONAL COM AS CASAS PERNAMBUCANAS. LOCALIZAVAM-SE NOS ARREDORES DA PRAÇA MELLO PEIXOTO. AO FUNDO, A CASA UNIDA AO BANCO FICAVA À RUA PARANÁ.