O GRÊMIO ESTUDANTIL RUI BARBOSA - GERB - DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO HORÁCIO SOARES

Meu primo, o jornalista Jefferson Del Rios Vieira Neves, enviou-me esta relíquia: uma ata de reunião do GERB, o grêmio estudantil do IEHS. Trata-se de documento importante para a história da educação em Ourinhos, razão pela qual pedi sua autorização para publicá-la neste blog.
Aliás é importante divulgar aqui que Jefferson acaba de lançar pela IMESP, em dois volumes, uma coletânea das críticas que ele escreveu sobre teatro ao longo de 40 anos:
JEFFERSON DEL RIOS VOL. 2



Ata da reunião extraordinária da diretoria do Grêmio Estudantil Rui Barbosa realizada aos seis dias do mês de maiol, às 19.30 horas, no Instituto de Educação "Horácio Soares" com a presença dos seguintes membros: Srs Antonio Mantovani Filho, Jefferson Del Rios Vieira Neves, Yukio Maeda, Osvaldo Perino, Elias Romão Marão, Paulo Cesar de Oliveira, Nelson Simões, João Tamante Saladini, Cláudio Bacilli, Pierre Coppieters.
Aberta a sessão pelo presidente, o mesmo encarregou o sr.Jefferson Del Rios de apresentar relatorio sobre as providências a serem tomadas para a fundação do Teatro dos Estudantes que o sr.Jefferson pretendia organizar.
Visto a necessidade de treinos para os elementos que comporão a fanfarra do corrente ano, o sr. Presidente nomeou para recolher os instrumentos e ver o que faltava neles o sr.Osvaldo Perino que deverá apresentar suas conclusões nas proximas reuniões.
        Sendo proposta a nomeação de um diretor esportivo, foram apresentados três nomes: srs Cláudio Bacilli, Yukio Maeda, Osvaldo Perino, sendo que, com votação secreta, venceu o sr.Claudio Bacilli com 4 votos. A seguir nomeou-se os diretores de cada modalidade que são: Tenis de Mesa - srs.Yashiro Yamamoto e Yunia Yamamoto; Futebol de Salão - Sr. José Roberto Vitta e Nelson Beltrami .Futebol de Campo -  sr. Francisco Constante e Eurico de Oliveira Santos. Basquetebol e Voleibol - Srs. Yukio Maeda e Paulo Airton Ribeiro; Beisebol - Srs Yashiro Yamamoto e Yunia Yamamoto. Atletismo - Sr Yukio Maeda e srta Maria Mercante. Xadrêz - Sr. José Laydir de la Torre.
Em seguida, o sr. Presidente falou que, como todos os anos , também  esse ano teriamos o Baile Junino, e encarregou o sr. Paulo Cesar de Oliveira de, na proxima reunião,  apresentar as necessidades da biblioteca.
Tendo o sr.Nelson Simões proposto a realização de aulas suplementares ficou encarregado de apresentar na proxima reunião
as matérias que seriam necessárias para tais aulas.
Tomando novamente a palavra, o sr. Presidente declarou que o Gerb fara uma Páscoa dos Estudantes, a qual deverá ser realizada em breve.
 Nada mais a tratar, o sr. Presidente ofereceu a palavra a quem dela quisesse fazer uso, e ninguém se manifestando declarou encerrada a sessão, e eu Elias Romão Marão lavrei a presente ata que vai por mim e demais membros assinada. 
ass: Elias Romão Marão

Jefferson fez as seguintes observações:

Observações
Três cargos eram exclusivos do 2o Ciclo (Cientifico, Clássico e Normal): presidente, vice e secretario geral, respetivamente Antonio Mantovani,  José Roberto Vitto e  Osvaldo Perino.
Há, portanto, diferenças de idades na diretoria. Eu estava com 15 anos. Meu cargo era de 1o Vice- Presidente (sic). Ginasial.
* Aceitavamos tranquilamente os termos bacharelescos-cartoriais das atas. A formula já vinha de antes.
* Esse documento atesta que tenho 51 anos de teatro. Realmente fundei o Teatro Estudantil de Ourinhos (T.E.O) que encenou duas peças no salão de festas do Templo Protestante da rua São Paulo. Direção de Anibal Garcia Siqueira. No elenco do espetáculo "O Escravo", de Castro Seromenho, um melodrama tremendo, estavam Pierre, Iner Prado e eu. Do segundo, por estranho que pareça, não me lembro direito do elenco. Era uma sessão de Juri. Fiz o advogado de defesa. O réu - que se redime no final - era (acho) Anibal. Esse texto também melodramático foi escrito por um rapaz da cidade cujo nome me esqueci. Fizemos apresentações em Candido Mota e Cornélio Procopio dentro da conexão protestante do Anibal
** Já faleceram Francisco Constante, Nelson Beltrami, José Roberto Vitto e Pierre Coppieters.
Nelson Simões e Yukio Maeda  sumiram "na poeira das ruas". José Laydir reside em Curitiba. Iner Prado mudou-se para Presidente Prudente. Gostaria de saber dela.

Comentários