MONSENHOR ARNALDO BELTRAMI (1937-2001)

No próximo dia 21 de fevereiro, o monsenhor Arnaldo Beltrami estaria completando 70 anos. Nascido em Ourinhos, fez o curso de teologia na Universidade Gregoriana de Roma (1958 a 1962) e jornalismo, na Universidade “Pro Deo”. Ordenou-se sacerdote em Roma, em 1961. Exerceu o ministério por 7 anos na Arquidiocese de Botucatu (63/69), por 14 anos na Diocese de Apucarana (69/83) e por 8 anos na CNBB de Brasília. A partir de 1991 integrou a Arquidiocese de São Paulo, como Vigário Episcopal de Comunicação. Faleceu na madrugada do dia 11/10/2001, vítima de enfarto.
Era autor do livro "Como Falar Com os Meios de Comunicação da Igreja" (Vozes; 1996; 227 páginas).
A foto, por José Machado - Foto Machado) nos mostra uma cerimônia em Ourinhos no final dos anos sessenta, ocasião em que monsenhor Arnaldo era vigário local. Nela estão, da esquerda para a direita, o deputado federal pela região Silvestre Ferraz Egreja, Tibério Bastos Sobrinho, funcionário da Prefeitura Municipal, o prefeito Domingos Camerlingo Caló, o oficial responsável pelo Tiro de Guerra local e o padre Arnaldo.

Comentários