12.12.15

OS 50 ANOS DA TURMA DE 1965 DA ESCOLA TÉCNICA DE COMÉRCIO DE OURINHOS


Em finais dos anos 1930, estavam dadas as condições para a criação do curso secundário em Ourinhos,  pois havia se formado na cidade a "Sociedade Expansão Cultural de Ourinhos", que tinha como um de seus objetivos "construir um prédio próprio para o estabelecimento do ensino secundário", entregando-o a "pessoa idônea que se proponha organizar e dirigir um estabelecimento de ensino secundário para ambos os sexos".
Essa pessoa foi o  professor José Augusto de Oliveira, natural de Cravinhos,  com experiência na criação e  direção de estabelecimentos de ensino em várias cidades.
Em 26 de fevereiro de 1939, foi lançada a pedra fundamental do primeiro ginásio de Ourinhos, tendo sido iniciadas as aulas da primeira turma nesse mesmo  ano, em prédio provisório.
Em Ourinhos, o professor José Augusto encontrou na pessoa do jovem advogado João Batista de Medeiros, o auxiliar ideal para dirigir o estabelecimento de ensino criado. Os dois foram além da proposta inicial e, em  1946, criaram o  a Escola Normal Livre destinada a formação de professores para o curso primário, sob a direção do drº Medeiros.  
Em 1948, foi anunciada a criação do Curso Técnico de Contabilidade, sob inspeção federal, em turno único noturno, que começaria a funcionar no ano seguinte.
Com a instalação do curso ginasial estadual em 1948 e, posteriormente, do curso normal, o Instituto Educacional de Ourinhos, recém criado para abrigar os cursos ginasial, normal e técnico não teve condições de se manter, tendo a sociedade que o mantinha sido extinta. Com isso, o curso técnico continuou a funcionar, sendo mantido pela prefeitura e sob a direção do professor Jorge Herkrath que mais tarde  venceu a concorrência aberta pela prefeitura em 1954. A gênese da Escola Técnica de Comércio de Ourinhos, acampada pelo profº Jorge,  foi minuciosamente narrada pelo jornalista  José Carlos Marão em artigo do "Correio de Notícias", de 25-12-1957, publicado neste blog sob o título "RELEMBRANDO... A ESCOLA TÉCNICA DE COMÉRCIO DE OURINHOS , A "ESCOLA DO JORGINHO"
No próximo dia 16 de dezembro, a formatura da turma de 1965, da Escola Técnica de Comércio de Ourinhos, completará 50 anos. Como integrante dessa turma, homenageio aqui o professores Jorge Herkrath, Hermilo Coelho Tupiná, paraninfo,  e Carlos Nicolosi, patrono. Aos integrantes dessa turma meus parabéns pelo cinquentenário e muitas saudades de uma turma unida, que tornou possível uma das mais bem organizadas festas de formatura e um baile que ficou na história. 


"Os alunos da 3ª série do  Curso Técnico da E.T. C. desta cidade promoveram para si e convidados um suculento churrasco na fazenda do sr. Tufik Zaki gentilmente cedida pelo proprietário aos contadorandos deste ano. Entre comes e bebes, improvisou-se brincadeira dançante bastante movimentada. Passaram-se,  sem duvida, uma excelente tarde de domingo, ao soprar da brisa campestre. Prometem os formandos novas churrascadas para breve." "O PROGRESSO DE OURINHOS", 23-11-1965.




Os professores Luis Carlos Althoff, Carlos Nicolosi e Harugi Seno 


José Carlos Neves Lopes, orador da turma, à direita o prof. Hermilo Coelho Tupiná, paraninfo.






5.12.15

A FAPI DE OURINHOS, RUMO AO CINQUENTENÁRIO - A III FAPI - 1969

O jornal "O Progresso de Ourinhos" publicou uma edição especial (18-25-5-1969) a respeito da realização da III Feira Agro Pecuária Industrial  - FAPI,  com o título: III FAPI ALCANÇA ÊXITO TOTAL.
Além de trazer algumas fotos dessa edição da Feira e manifestações de autoridades locais: prefeito, presidente da câmara, juiz de direito,   a publicação inseria várias mensagens de apoio e congratulação pelo evento de autoria do comércio e indústria locais. Estas  foram as empresas:

CHURRASCARIA GAÚCHA, DE LUIS GOLIN E CIA,VIAÇÃO GARCIA LTDA
ORGANIZAÇÃO COMERCIAL GOLIN, GRANDE HOTEL, DE LUIZ GOLIN
COMPANHIA TELEFÔNICA DE OURINHOS, RENOVADORA DE PNEUS OURINHOS
INDÚSTRIA FARMACÊUTICA HEMOLABOR, CASA BANDEIRA BRANCA, DE RAFAEL HERNANDEZ E CIA LTDA
BANCO BRASUL DE SÃO PAULO S.A, IRMÃOS YAMAGI - MÓVEIS, TAPEÇARIA E DECORAÇÕES
IRMÃOS MORI S.A. COMÉRCIO E INDÚSTRIA, CIRILO MOTO PEÇAS, PANIFICADORA E CONFEITARIA Q'PÃO, COMPANHIA OURINHENSE DE VEÍCULOS REVENDEDORA CHEVROLET
FARMÁCIA CENTRAL , DE SILVA GASQUE  & CIA LTDA, SANBRA S/A
ORGANIZAÇÕES TUPINÁ, ULLIANA & TOJERO LTDA, IRMÃOS DEVIENNE LTDA
U. ITO E FILHOS LTDA, INDÚSTRIA DE CAMAS OURINHOS, DEPÓSITO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO E FÁBRICA DE TACOS SANTO ANTÔNIO,  GUAÍRA AUTO PEÇAS LTDA,  J. ALVES VERÍSSIMO, A FLORISTA, ELETRO OURILUZ,  AUTO ESCOLA GUARANI, DE MARCO ANTÔNIO SAMADELLO, SOCIEDADE AUTOMÓVEIS BANDEIRANTES  - REVENDEDOR WOKSWAGEN, LABORATÓRIO OSWALDO CRUZ, OLAMAR LOJA, REFRIGERAÇÃO INCOMAR LTDA - CHAVANTES, BAR DO TIDE LTDA, DE   ZIMMERMAN E MORI LTDA, FÁBRICA DE DOCES MARACANÃ, ÓTICA VIEIRA, BANCO COMERCIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO, INDÚSTRIA MECÂNICA CARDOSO LTDA - IMCAL, HELIOGÁS S/A COM. E IND., ESCRITÓRIO DO ANTONINHO, PLINEL LOJA, CASA CLORIVAL, MOTOSERVIX, CERÂMICA OURINHENSE,  DE  NATALI & CIA, CASAS PERNAMBUCANAS, BRADESCO S/A, COMPANHIA LUIZ SILVA DE AUTOMÓVEIS REVENDEDOR FORD E WILLYS, LOPES & GIMENES LTDA, INDÚSTRIA FARMACÊUTICA APASIL LTDA, SOCIEDADE DE AUTOMÓVEIS RACANELLO LTDA, RETÍFICA DE MOTORES SÃO JOÃO, DE AMANTINI & AMANTINI LTDA. 

Como podemos verificar,a grande maioria dessas empresas já não mais existe, no entanto todas foram importantes ao seu tempo para o progresso de Ourinhos. A elas a nossa homenagem. 
Na foto abaixo, de autoria desconhecida, vemos autoridades locais e do governo estadual, descerrando a fita do estande da  SANBRA, a maior indústria local.


Da esquerda para a direita: José Fernandes de Souza: gerente da Sanbra; Orlando Zancaner, Secretário de Cultura, Esportes e Turismo; Lauro Migliari, prefeito de Ourinhos; drº José Ferreira Nunes Júnior, Promotor de Justiça; Silvestre Ferraz Egreja, deputado Federal; drº Rui Geraldo Camargo Viana, Juiz de Direito da Comarca; Salvador Gomes Fernandes, Secretário de Informação e Waldemar Ferraz, Secretário do Interior

Flagrante do interior do estande da Sanbra