Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2007

LEMBRANÇAS DO VELHO GINÁSIO

Uma homenagem à minha amiga, professora Inês de Souza Leal, responsável pela alfabetização de muitos ourinhenses.

O Ginásio Estadual de foi criado pela Lei nº 7, de 23 de fevereiro de 1948, no governo de Ademar de Barros. A sua instalação ocorreu no dia 5 de agosto do mesmo ano. Desse modo, ele passou a coexistir com o antigo Ginásio de Ourinhos, criado pelo professor José Augusto de Oliveira, em 1939, o qual  era uma instituição privada com subvenção da prefeitura. Em 1946, o Ginásio de Ourinhos passou a contar com a primeira Escola Normal de Ourinhos, sob a direção do drº João Batista de Medeiros. Foi, assim, responsável pelas primeiras normalistas de Ourinhos, cuja formatura ocorreu no dia 10 de dezembro de 1949. Eram elas: Anair Ferreira, Anayde Telles, Anésia Teixeira, Araçy A. Freitas, Inês de Souza Leal, Ruth A. Foz e Vera Fiorillo. Após a cerimônia de colação de grau, no Cine Ourinhos, foi realizado o baile de formatura, no Grêmio Recreativo de Ourinhos.
A foto nos mostra um ins…

1908- 1941 – O FUTEBOL EM OURINHOS , POR CARLOS LOPES BAHIA, PROFESSOR DE HISTÓRIA

1908- 1941 – O FUTEBOL EM OURINHOS

A partir do inicio da construção da pequena estação ferroviária em terras de dona Escolástica, os trabalhado-res, em suas horas de folga, praticavam ou jogavam partidas de futebol na área que hoje conhecemos como praça Melo Peixoto. A abertura de uma via de acesso ligando a estação à rodovia (Raposo Tavares) abriu a possibilidade de fixa-ção dos viajantes, os primeiros moradores de um novo povoado. Logo haveriam outras vias interligadas aumentado a área ( atuais ruas Amazonas e Pará). Em 1910 o povoado já está delineado. Do lado sul da estação, ao redor da área utilizada como campo novos viajantes foram comparando áreas de terra e se fixando. Duas novas vias de acesso foram abertas, as atuais ruas São Paulo e 9 de julho. Aos poucos a área povoada na parte sul foi se estendendo até atingir a atual rua Paulo Sá e na parte norte já estavam também se abrindo mais duas vias, as atuais ruas Brasil e Barão do Rio Branco.
Em 1915 o povoado já é um Distrito …

AS GAROTAS DO "SANTO ANTÔNIO"

Esta é uma foto deveras interessante. Trata-se de um desfile de Sete de Setembro dos anos 1950. 1957, talvez. Foi feita de um ângulo interessante do quarteirão da 9 de Julho onde havia a "Casa Alberto". Em primeiro plano vemos o prédio da Caixa Econômica Federal, em seguida uma antiga casa já derrubada. O outro prédio é o da casa comercial de Tury Zaki,  "Móveis Regina" . Pode-se perceber o seu lindo luminoso, no topo, e uma propaganda dos "Móveis Cimo", de excelente qualidade,  muito vendidos nos anos 1950. Mais adiante a concessionária de Raul Silva.
Há três "irmãnzinhas" nesse trecho desfile, porém, é impossível identificá-las.
Em primeiro plano, vemos três fileiras de meninas do "Santo Antônio" com o impecável uniforme de gala, tendo entre as mãos um ramalhete. Essas garotas são minhas contemporâneas, quase todos os rostos me são familiares. Três eu identifiquei de pronto: a terceira na fila do centro é Simone Lahan, a quinta é minha…