Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2006

O COMÉRCIO EM OURINHOS

O COMÉRCIO EM OURINHOS por Jefferson Del Rios Vieira Neves

Nos anos 40 e 50, o comércio de secos e molhados da cidade tinha uma freguesia e uma geografia bem definidas.
A então numerosa comunidade rural nipo-brasileira comprava na Casa Suzuki, a maior delas a ponto de ter aquele instrumento oriental de fazer contas. Ficava na esquina das ruas Gaspar Ricardo e Brasil.
Na Avenida Jacinto Sá pontificavam, lá no alto, o Sekino, pai de uma garota belíssima, a Tomiko, que fez ginásio comigo. Anos depois soube que ela se formara em medicina, e estava na Unicamp quando morreu precocemente.
Ainda na Avenida (salvo engano) o Tanaka, que depois se mudou para a Gaspar Ricardo, mais abaixo do Suzuki. Sua filha Nair também estudou comigo.
Não é tudo. Houve outros estabelecimentos, como o do Sr. Choso Misato, pai do atual Prefeito, Toshio. Era muito amigo do meu pai, como o Suzuki e o Tanaka.
Na Rua Paraná, o Tone. Não sei por que razão acho que só entrei lá uma vez.
Os armazéns serviam trechos do municipio…